quarta-feira, 28 de junho de 2017

CAPÍTULO XX / BACHARELO-ME

       


Um grande futuro! Enquanto esta palavra me batia no ouvido, devolvia eu os olhos, ao longe, no horizonte misterioso e vago. Uma idéia expelia outra, a ambição desmontava Marcela. Grande futuro? Talvez naturalista, literato, arqueólogo, banqueiro, político, ou até bispo, — bispo que fosse, — uma vez que fosse um cargo, uma preeminência, uma grande reputação, uma posição superior. A ambição, dado que fosse águia, quebrou nessa ocasião o ovo, e desvendou a pupila fulva e penetrante. Adeus, amores! adeus, Marcela! dias de delírio, jóias sem preço, vida sem regímen, adeus! Cá me vou às fadigas e à glória; deixo-vos com as calcinhas da primeira idade.
E foi assim que desembarquei em Lisboa e segui para Coimbra. A Universidade esperava-me com as suas matérias árduas; estudei-as muito mediocremente, e nem por isso perdi o grau de bacharel; deram-mo com a solenidade do estilo, após os anos da lei; uma bela festa que me encheu de orgulho e de saudades, — principalmente de saudades. Tinha eu conquistado em Coimbra uma grande nomeada de folião; era um acadêmico estróina, superficial, tumultuário e petulante, dado às aventuras, fazendo romantismo prático e liberalismo teórico, vivendo na pura fé dos olhos pretos e das constituições escritas. No dia em que a Universidade me atestou, em pergaminho, uma ciência que eu estava longe de trazer arraigada no cérebro, confesso que me achei de algum modo logrado, ainda que orgulhoso. Explico-me: o diploma era uma carta de alforria; se me dava a liberdade, dava-me a responsabilidade. Guardei-o, deixei as margens do Mondego, e vim por ali fora assaz desconsolado, mas sentindo já uns ímpetos, uma curiosidade, um desejo de acotovelar os outros, de influir, de gozar, de viver, — de prolongar a Universidade pela vida adiante...



Machado de Assis 
Machado de Assis



Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

Machado de Assis

       


Recomendamos para você:


Just Go #JustGo

Despacito Remix - Luis Fonsi Feat. Justin Bieber, Daddy Yankee

LETRAS DE MÚSICAS – SONG LYRICS

Despacito Remix - Tradução em Português - Luis Fonsi Feat. Justin Bieber, Daddy Yankee

Amor é fogo que arde sem se ver - Luís Vaz de Camões

Amor é fogo que arde sem se ver - Luís Vaz de Camões

O Navio Negreiro - Castro Alves

O Navio Negreiro - Castro Alves

Canção do exílio - Gonçalves Dias

Canção do exílio - Gonçalves Dias

Canção do exílio - Gonçalves Dias

Prédios mais altos do mundo

As festas populares em Santa Catarina

As festas populares no estado de São Paulo

As festas populares no estado do Paraná

As festas populares do estado de Mato Grosso do Sul

Os imigrantes no estado de Santa Catarina no século XX

Os imigrantes no século XIX e XX no estado do Paraná

Atividades extrativistas de Santa Catarina

As atividades econômicas no estado de Santa Catarina

As atividades econômicas do estado de São Paulo

As atividades econômicas do Mato Grosso do Sul

As atividades econômicas do estado do Paraná

Relevo do estado de Mato Grosso do Sul

O relevo do estado de São Paulo

Clima e relevo no estado de Santa Catarina

Clima e relevo do estado do Paraná

Biblia Sagrada - João Ferreira de Almeida

BÍBLIA ONLINE

O Diário de Anne Frank

Poesia

Poemas

Poetry

Sanderlei Silveira

Sanderlei Silveira

OLHOS DE RESSACA

História em 1 Minuto

Sonetos - Poemas de Amor - Luís Vaz de Camões

Paraná - Conheça seu Estado (História e Geografia)

Song Lyrics - Letras Música - Tradução em Português

Snow Birds - Louis Honoré Fréchette

Twenty One Pilots - Stressed Out

Rockabye - Clean Bandit Featuring Sean Paul & Anne-Marie

Cronologia da Terra

Economia em 1 Minuto

by Sanderlei Silveira -  http://sanderlei.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário